Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.17/593
Título: Valor Prognóstico da Monitorização em Ambulatório da Pressão Arterial na Gravidez
Autor: Bettencourt, B
Amaral, N
Júlio, C
Ribeiro, F
Learman, C
Dias, E
Borges, A
Campos, A
Palavras-chave: Estudos Prospectivos
Gravidez
Hipertensão da Bata Branca
Hipertensão
Monitorização Ambulatória da Pressão Arterial
MAC MED MAF
Data: 2006
Editora: Maternidade Dr. Alfredo da Costa
Citação: Arq Mat Alfredo da Costa 2006 Dez; 16 (6): 34-39
Resumo: Introdução: Na grávida hipertensa, a importância prognóstica da MAPA é defendida em alguns trabalhos. Objectivo: Analisar o valor prognóstico da MAPA. Material e Métodos: Estudo prospectivo a 114 grávidas com PA elevada, vigiadas na consulta de HTA da MAC. Foram divididas em dois grupos: GRUPO 1, grávidas com HTA crónica (n=88) e GRUPO 2, grávidas com HTA diagnosticada na gravidez (n=26). Todas fizeram a MAPA uma vez na gravidez. Resultados: A MAPA diagnosticou 31% de grávidas com HTA, 80% no grupo das hipertensas crónicas. Observaram-se 46.5% de complicações, 36.8% foram no grupo 1 e 9.7% no grupo 2. Da comparação das complicações observadas com a presença de HTA e/ou VR na MAPA nunca se obteve significância estatística. Conclusão: A MAPA não tem um valor prognóstico sendo, no entanto, importante na monitorização da grávida hipertensa. Deverá fazer parte da vigilância de grávidas com HTA não controlada ou suspeita de HBB.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.17/593
Aparece nas colecções:MED MAF - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Arq MAC 2006 34.pdf257,88 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.