Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.17/492
Título: Avaliação dos Custos da Consulta de Medicina/Imunodeficiência em 2002
Outros títulos: Cost Evaluation During 2002 in a Medicine/Immunodeficiency Hospital Outpatient Attendance
Autor: Fevereiro, T
Afonso, S
Lozano, E
Ribeirinho, A
Calado, J
Matos, R
Brazão, H
Palavras-chave: VIH
Consulta
Custos e Análise de Custo
Data: 2009
Editora: Sociedade Portuguesa de Medicina Interna
Citação: Med Interna 2009 Abr Jun; 16 (2): 72-75
Resumo: O consumo de recursos económicos com a Saúde é uma preocupação constante dos governantes, dos administradores hospitalares e também dos profissionais de Saúde, sendo a área do seguimento/tratamento dos doentes infectados pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH) apontada como uma das que mais recursos consome. Os AA procuraram, pela avaliação dos doentes seguidos na Consulta de Medicina/Imunodeficiência do Hospital de Santo António dos Capuchos durante o período de um ano (2002), aferir de forma concreta os custos de funcionamento da mesma. Material e Métodos: Foram avaliados os utentes da Consulta de Medicina/Imunodeficiência do Hospital de Santo António dos Capuchos (HSAC) que nela compareceram, pelo menos, duas vezes durante o ano de 2002. O cálculo dos custos das consultas e dos exames complementares de diagnóstico baseou-se nos valores definidos nos Grupos de Diagnósticos Homogéneos (GDHs). O custo da terapêutica anti-retroviral foi calculado segundo os valores que nos foram fornecidos pela Farmácia do Hospital e assumindo o fornecimento mensal da mesma. Resultados: Foram avaliados 107 doentes correspondendo a 498 consultas (€11.424). Fizeram-se 244 determinações de carga viral €(24.321) e 245 estudos de subpopulações linfocitárias (€15.445). As restantes análises custaram €36.586. Dos 107 doentes, 85 estavam sob terapêutica anti-retroviral, com 3 ou 4 fármacos, tendo sido gasto, em média e por doente, €7.122. Foi necessário o internamento de 18 doentes, num total de 219 dias (€41.699). Conclusão: O custo médio anual por doente foi de €6.408.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.17/492
Aparece nas colecções:MED - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
RSPMI 2009 72.pdf141,35 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.