Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.17/2724
Título: Validação da “Subjective Happiness Scale” em Pessoas com Doença Renal Crónica
Outros títulos: Validación de la “Subjective Happiness Scale” en Personas con Enfermedad Renal Crónica
Validation of the Subjective Happiness Scale in People with Chronic Kidney Disease
Autor: Mota de Sousa, LM
Marques-Vieira, CM
Severino, S
Pozo-Rosado, JL
José, HM
Palavras-chave: HCC MFR
Insuficiência Renal Crónica
Estudos de Validação
Psicometria
Felicidade
Enfermagem
Data: Jul-2017
Editora: Universidad de Murcia
Citação: Enfermería Global 2017; 16 (3): 49-59
Resumo: Objetivo: Validar as propriedades psicométricas da Subjective Happiness Scale (SHS) em pessoas com Doença Renal Crônica (DRC) em programa de hemodiálise. Método: Trata-se de um estudo metodológico. A amostra randomizada foi constituída por 171 pessoas com DRC submetida a hemodiálise em duas clinicas na região de Lisboa, Portugal. Os dados foram colhidos de maio a junho de 2015. Foram avaliadas as propriedades psicométricas: validade (construto, convergente e discriminativa), fidedignidade por meio da consistência interna (α de Cronbach) e estabilidade (Coeficiente de Correlação Intraclasse e Coeficiente de Correlação de Spearman-Brown). Resultados: Os resultados suportam a estrutura unifatorial, com uma confiabilidade (α=0,90). Além disso, esta escala está positivamente correlacionada com a Escala de Satisfação com a Vida (r=0,60; p<0,001), apoiando assim a sua validade de critério. Conclusões: A versão portuguesa da SHS é válida e reprodutível em pessoas com DRC.
URI: http://hdl.handle.net/10400.17/2724
Aparece nas colecções:MFR - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Enf Global 2017 49.pdf279,89 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.