Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.17/1840
Título: Apresentação Pélvica: Parto Vaginal ou Cesariana?
Autor: Sousa, S
Vicente, L
Mendes, A
Martins, AT
Maia, AP
Vitorino, A
Sereno, P
Borrego, J
Carvalho, MJ
Palavras-chave: MAC URG
Apresentação Pélvica
Parto
Estudos Retrospectivos
Data: 1999
Editora: Maternidade Dr. Alfredo da Costa
Citação: Arq Mat Alfredo da Costa 1999 Nov; 15 (2): 88-92
Resumo: A apresentação pélvica ocorre em 3% das gravidezes únicas de termo e está associada ao aumento do risco de complicações maternas e fetais. Os autores fizeram uma avaliação retrospectiva de 118 partos pélvicos por via vaginal. Foram considerados os recém-nascidos com pesos compreendidos entre 2000 e 4000 g, de gestação maior ou igual a 34 semanas. Comparou-se a morbilidade materna e do recém-nascido com apresentação pélvica, em 118 partos vaginais e 244 cesarianas. Constatou-se que a morbilidade neonatal major foi significativamente superior no parto vaginal (5,9%), em relação à cesariana (0,4%). A morbilidade materna foi ligeiramente superior na cesariana (3,6%), em relação ao parto vaginal (1,6%), sem significado estatístico.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.17/1840
Aparece nas colecções:URG - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Arq MAC 1999 88.pdf328,32 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.