Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.17/1061
Título: Utilização do Sugamadex: da Evidência à Prática Clínica
Outros títulos: Use of Sugammadex: from Evidence to Clinical Practice
Autor: Augusto, A
Torres, F
Vilela, H
Fragata, I
Ormonde, L
Vieira, M
Amorim, P
Esteves, S
Vargas, S
Palavras-chave: Bloqueio Neuromuscular
Fármacos Neuromusculares
Data: 2011
Editora: Sociedade Portuguesa de Anestesiologia
Citação: Rev Soc Port Anestesiol 2011; 20 (2): 22-23
Resumo: O bloqueio neuromuscular (BNM) residual é um fenómeno frequente em doentes cirúrgicos após administração de relaxantes musculares. Está associado a um aumento da morbilidade e mortalidade pós-operatória devido às complicações clínicas dos eventos associados. O sugamadex é um novo fármaco para reversão do BNM induzido por rocurónio ou vecurónio. Como primeiro agente selectivo de ligação aos relaxantes musculares, é promissor em termos de eficácia e perfil de segurança. Apresenta um perfil de eficácia e segurança significativamente diferente ao verificado actualmente com as opções farmacológicas disponíveis. É expectável um valor terapêutico acrescentado significativo sobre estas mesmas opções, com importantes alterações na prática clínica anestésica e cirúrgica, com ganhos para os doentes, para os médicos e para o próprio hospital. Baseados na literatura e na experiência clínica, os autores partilham as suas reflexões relativas ao uso de sugamadex. Apresentam uma proposta para a sua utilização na prática clínica corrente, de acordo com as indicações do RCM, características dos doentes e situações clínicas específicas.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.17/1061
Aparece nas colecções:ANS - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Revista SPA 2011 22.pdf179,75 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.